Importar da china ainda vale?

Lembro de alguns anos atrás em que todo mundo falava sobre importar da China. O dólar, na época, era realmente muito mais barato em relação ao real e, portanto, era possível conseguir obter excelentes vantagens com a importação de produtos do exterior e, em especial, importando de países bem baratos como a China. Em muitos casos era possível obter um desconto que beirava níveis absurdos podendo chegar  a uma economia de quase 70% do preço que você pagaria por aqui. Esse foi um dos fatores que tornou a importação da China tão popular nos últimos anos e inclusive fez com que muitos, dotados de uma veia mais empreendedora, passassem a buscar a alternativa de empreender através da importação da china, revendendo produtos de lá com uma margem bastante significativa. De fato, nessa época, aprender como importar da China era um dos melhores investimentos que você poderia realizar, e tinha um retorno quase garantido.

Aprender como importar da China

De fato, nessa época era realmente interessante aprender esse conhecimento sem sombra de dúvida. Com a drástica piora do quadro econômico e a vertiginosa subida do dólar, ficou claro que essa alternativa de empreendimento se tornaria mais difícil em todos os pontos, incluindo para quem almejava apenas realizar uma boa economia importando da China. Entretanto, apesar de muitos assim o pensarem, a importação de produtos da china para revenda não morreu, o que ocorreu é que apenas os mais eficientes acabam sendo selecionados para continuar no mercado.

E como fazer para garantir que você será um desses? O primeiro passo é obviamente, conseguir obter sempre os melhores preços junto aos fornecedores e, desse modo, ter a capacidade de ofertar aos seus clientes sempre os preços mais atrativos dentro daquele nicho de mercado. Existem muitos lugares por ai onde você pode comprar em grande quantidade e, desse modo, aumentar ainda mais a sua capacidade de oferecer preços baixos, é só questão de pesquisar adequadamente.